Como ir do Aeroporto Ezeiza ao centro de Buenos Aires


Comprei minhas passagens aéreas meio no susto, aproveitando uma promoção da Gol. Só depois fui descobrir que Buenos Aires tem dois aeroportos internacionais:

  • Aeroporto Internacional Ezeiza: fica na parte Sul da cidade, a uns 30km do centro
  • Aeroparque Internacional Jorge Newbery: mais central, localizado no bairro Palermo

Eu vim pelo Ezeiza, então esse post vai trazer informações somente deste aeroporto, beleza?

Como geralmente acontece, a passagem barata acabou me levando para o aeroporto mais longe. Então fica a dica: analise se a economia nas passagens vai compensar o seu esforço, tempo e dinheiro gasto para chegar até o local onde você vai se hospedar. Nesse caso, achei que compensou, porque o aeroporto Ezeiza oferece boas opções de transporte até o centro: ônibus público, ônibus executivo, táxi e aluguel de carros. O metrô não chega ao aeroporto.
Aeroporto Ezeiza Buenos Aires
Aeroporto Ezeiza

Ônibus do aeroporto ao centro de Buenos Aires

É a opção incomparavelmente mais econômica e foi a que escolhi. Dá mais trabalho? Lógico que sim, mas a diferença de preços compensa completamente!

Minha primeira hospedagem em Buenos Aires foi no bairro Caballito, que fica a 15 minutos do centro. Peguei o ônibus 8 diretamente no pátio do Aeroporto Ezeiza e parei a duas quadras do meu destino final com este mesmo veículo - para alguns locais, pode ser necessário pegar 2 ônibus, verifique no Google maps que ele te diz direitinho. O ruim é que o ônibus vai pingando de ponto em ponto... mesmo assim, meu trajeto inteiro levou aproximadamente 1h20min e custou míseros R$3 (uns 11 pesos, com a cotação de R$1 = AR$3,6). O transporte público em Buenos Aires é super barato porque é subsidiado pelo governo!


Um detalhe: para usar qualquer meio de transporte coletivo na cidade, incluindo os ônibus que saem do aeroporto, você precisa de um cartão chamado Sube. Antigamente se aceitava dinheiro, depois somente moedas e agora só dá para usar com o cartão mesmo.

O bom é que há alguns quiosques (ou kioscos, como os argentinos chamam) onde é possível comprar e carregar o cartão Sube no aeroporto. Tentei em duas dessas vendinhas e eles estavam sem o cartão para vender. Quando já estava me desesperando, consegui finalmente comprar em um quiosque que fica bem em frente ao Mc Donalds:
Como comprar o cartão Sube no aeroporto Ezeiza
Quiosque onde comprar o cartão Sube

Aquela maquininha azul do lado direito é onde se carrega o cartão. É bem fácil de usar, mas caso não consiga, o atendente da loja ajuda. O cartão Sube custa 25 pesos (R$7) e o valor da recarga é livre, mas opte por valores redondos pois a máquina não dá troco. Como esse mesmo cartão será usado para o metrô e todos os ônibus da cidade, já vale a pena carregar um valor razoavelmente alto. Dica: um único cartão pode ser utilizado por mais pessoas, assim dá para economizar aqueles 25 pesos se você estiver acompanhado.
Malas no ônibus de Buenos Aires
Todos os ônibus que peguei em Buenos Aires tinham esse espaço para cadeirantes, que pode ser tranquilamente usado pelas suas malas - se não houver nenhum cadeirante, é claro :)

Ônibus executivo do aeroporto Ezeiza ao centro de Buenos Aires

A empresa que faz esse serviço é a Tienda León. Não tem como não ver o escritório deles, pois fica bem na passagem da área de desembarque.

Eles operam em vários destinos. Os preços para os principais locais de Buenos Aires estão no canto inferior direito:
Onibus executivo Tienda León aeroporto Ezeiza
Preços e destinos operados pela Tienda León

A estação Retiro é o ponto mais central onde o ônibus executivo chega, mas eles oferecem algumas opções de integração para ir de lá até os hotéis com táxis conveniados.

Táxi do aeroporto Ezeiza ao centro de Buenos Aires

Antes mesmo de cruzar a porta do desembarque, há várias empresas que ficam oferecendo táxi. Como já estava decidida a ir de ônibus, nem parei para saber os preços deles, mas algo me diz que não eram bons :D

De qualquer forma, se você pretende pegar táxi, saiba que após o portão de desembarque existe o Táxi Ezeiza, que é o serviço de táxi oficial deste aeroporto. É bem seguro porque você contrata e já paga diretamente neste guichê dentro do aeroporto. Dá para pagar em pesos argentinos, dólares, reais e acredito que em várias outras moedas também.
Taxiezeiza táxi oficial do aeroporto de Buenos Aires
Táxi Ezeiza, a empresa oficial de táxi no aeroporto Ezeiza

Dá para consultar os preços atualizados no site Táxi Ezeiza. Em maio/2016, estava assim:
Preços do Táxiezeiza
Preço até o centro: 530 pesos

Se comprar junto a volta para o aeroporto, tem desconto.

Aluguel de carros no aeroporto Ezeiza

Para quem viaja em grupo e chega cedo à cidade, alugar um carro pode ser um bom negócio porque é possível aproveitar para passear motorizado no primeiro dia. Há várias empresas alugando carros dentro do aeroporto:
Aluguel de carro no Aeroporto Ezeiza
Empresas para alugar carro no Aeroporto Ezeiza

Outras informações úteis sobre o aeroporto Ezeiza

Só de pisar no aeroporto, já comecei a gostar da cidade: tem wifi boa, aberta e gratuita desde a imigração até o desembarque!

Falando em imigração, também gostei que há uma fila exclusiva para os cidadãos de países membros do Mercosul. Mesmo assim, a fila estava grande e demorei uma meia hora para ser atendida. É importante ter em mãos o endereço exato do local onde você vai se hospedar, pois os atendentes perguntaram até a rua e o número do edifício.

O aeroporto não é muito grande, mas tem praticamente tudo o que é necessário. Além das agências de transporte que comentei acima, há também um caixa eletrônico do HSBC, um Banco de La Nación Argentina (BNA) - onde é possível trocar dinheiro -, agências de câmbio, Duty Free e restaurantes.
Banco de La Nación Argentina no aeroporto de Buenos Aires
Banco de La Nación Argentina no aeroporto

É possível verificar a cotação atualizada diretamente no site do Banco de La Nación. Em maio/2016, os valores estavam assim:

Trocar dinheiro no aeroporto de Buenos Aires
Preços para trocar dinheiro no aeroporto Ezeiza no Banco de La Nación Argentina


Bom, acho que é isso! Se ficou alguma dúvida, fique à vontade para perguntar nos comentários.

Se você está indo para Buenos Aires, aproveite e veja o vídeo que eu fiz mostrando os principais pontos turísticos do centro da cidade ;)




Um abração e boas viagens para nós!


Artigos relacionados a essa postagem:
Buenos Aires: primeiras impressões

Se você curte os artigos do Mundo de Viajante, cadastre-se aqui para receber os próximos posts no seu e-mail. É gratuito e eu prometo que nunca enviarei nenhum spam!

Para não perder nenhum conteúdo, acompanhe-nos também pelo Twitter e Facebook.
Compartilhe no Google Plus

Sobre Mayumi Tsuruyama

Me formei em Administração por adorar o universo empresarial. Mas também sou freelancer e blogueira, por amor ao mundo e à liberdade. Encaro todas as viagens que já fiz e ainda farei como trajetos de uma viagem maior, que é a vida. Seja como turista, estudante, trabalhadora ou mochileira, viajar me completa. E eu ainda tô longe dos 100%!
    Comentar via Blogger
    Comentar via Facebook

6 comentários:

  1. Mayumi seu post ficou sensacional, exatamente o que eu estava precisando! Obrigada! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo que você gostou, Aline! Fico feliz em ter ajudado. Valeu pelo feedback :D
      Buenos Aires é uma cidade incrível, com muita alma! Tomara que você goste tanto quanto eu gostei. Um abraço e boa viagem!

      Excluir
  2. Pagina ficou top gostei ajudou eu que ja estou na argentina a 6 dias mais top parabens ai a argentina e top seria meçhor seeu soubese fala o tau do espanhol kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, obrigada pelo feedback :)
      Hahah com certeza! Mas com um pouco de esforço dá pra se comunicar com os nossos hermanos no bom e velho portunhol também hehe

      Excluir
  3. Adorei o post!
    Também vou encarar a ônibus comum, vou chegar de madrugada então tenho tempo de sobre pra encarar as 1:30 de viagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Massa, Katherynne! Imagino que na madruga a viagem deva ser até mais rápida, porque vai ter menos gente no busão pra subir e descer. Só não tenho muita certeza quanto ao horário do ônibus na madrugada, provavelmente seja reduzido - vale a pena dar uma checada.

      Se puder voltar aqui depois e contar pra gente como foi a aventura, eu ficaria felizona :D

      Um abraço e boa viagem!

      Excluir

O que achou do artigo? É sempre gostoso ler as opiniões e contribuições de quem passa por aqui!
Se tiver alguma dúvida, leia a Política de comentários do Mundo de Viajante.